2 motivos porque os demônios creem e tremem da Bíblia

Os demônios creem e tremem da Palavra de Deus, porém erroneamente interpretado.

Um jargão proferido no meio Evangélico a respeito desse versículo, onde é parafraseado que os demônios creem e tremem “porque não obedecem”.

Não é bem assim. Vamos ao texto base.

Advertisements

Tu crês que há um Deus; fazes bem, também os demônios o crêem, e estremecem. (Tiago 2:19)

É verdade que os demônios creem, mas o tremer não é porque não obedecem. É exatamente isso que quero explicar motivos reais o porquê os demônios creem e estremecem.

Demônios creem e tremem porque tem que obedecer mesmo sem querer.

Os demônios tremem porque sabem que mesmo sem querer tem que obedecer os as leis e decretos de Deus na dimensão do reino espiritual.

Demônios obedecem por imposição e não de boa vontade, porem tem conhecimentos que devem obedecer as leis de Deus determinada ao reino invisível.

No mundo invisível que o Apostolo Paulo fez referencia em Efésios como, regiões celestiais, sendo todas essas regiões regidas por leis e decretos estabelecido por Deus.

Essas leis são vinculados a poderosa Palavra de Deus. Por isso que, mesmo existindo milhares de demônios em suas diversas hierarquias na regiões celestiais Paulo diz que ‘somos abençoados com toda sorte de bençãos espirituais, isso porque estamos agora em Cristo.

Entendo que isso é uma total garantia concedida por Deus ao crente podendo desfrutar de sua proteção e benção sem medidas.

Essas leis barra os demônios quando o crente vive na presença de Deus, sendo esse um processo poderoso da multiforme sabedoria de Deus e, que todas as hostes infernais reconhece como lei no reino espiritual, conforme Efésios 3:10 ” para que, pela igreja, a multiforme sabedoria de Deus se torne conhecida, agora, dos principados e potestades nos lugares celestiais.”

Na verdade eles tem que obedecerem porque Deus estabeleceu punições severas na quebra de leis na dimensão do reino invisível. Além disso, impôs limites aos demônios, sendo eles bloqueados por anjos de Deus. Por isso eles tremem e sabem que tem que obedecer quer queira ou não.

Os demônios creem e estremecem porque reconhece a veracidade e autoridade da Palavra de Deus.

É narrado em em Mateus Capítulo 8 uma passagem em que Jesus ao chegar na terra de Gadara, expulsa demônios, logo os demônios ao ver Jesus reconhece-o como filho de Deus, bem como sua autoridade mostrada aqui em Mateus 8:29 – “E eis que gritaram: Que temos nós contigo, ó Filho de Deus! Vieste aqui atormentar-nos antes do tempo?”.

Esses demônios creram e tremeram a ponto de dizer ‘vieste aqui atormentar-nos’ e obedeceram o comando de Jesus.

Quando utilizamos o nome de Jesus repreendendo os demônios e suas más ações eles tem que obedecer, sabendo que ao nome de Jesus foi conferido e decretado pelo Altíssimo Deus total poder e autoridade.

Todo o reino invisível infernal é obrigado a obedecer o nome de Jesus proferido pelos crentes em comunhão com o Espírito Santo.

Eles sabem que a Palavra de Deus é a verdade, portanto os demônios tremem porque sabe da autoridade que um crente consagrado tem sobre ele.

E, se esse crente faz uso da autoridade da Palavra de Deus as forças dos demônios estarão quebradas.

Por isso que a Palavra de Deus deve ser declarada em diversas situações de modo audível para que o reino invisível escute em determinados momentos.

Isso faz que ações demoníacas sejam desfeitas pelo poder da Palavra e do nome de Jesus declarado pelo crente fiel.

Observe que Jesus ensina a declarar a palavra por meio da fé para que uma situação seja alterada, como disse Jesus em Marcos 11:23 – “Eu asseguro que, se alguém disser a este monte: ‘Levante-se e atire-se no mar’, e não duvidar em seu coração, mas crer que acontecerá o que diz, assim lhe será feito.”

Observe bem a frase que Jesus pronunciou: “se alguém disser a este monte”. Jesus estava mostrando nesse texto a importância de saber usar a Palavra lançando ousadamente no mundo visível e invisível.

Querendo que os discípulos atentassem para as leis espirituais e não as naturais. Pra isso precisariam declarar uma palavra vinculando a autoridade Bíblica por meio da fé.   

Tendo em vista que antes dessa passagem o Senhor Jesus teria declarado uma palavra contra a figueira.

Salomão em Provérbios nos informa que o que declaramos traz resultados tanto para o bem como para o mal, entendendo ele que tudo está atrelado as leis na dimensões dos reinos visíveis e invisíveis. A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem utiliza come do seu fruto.” Provérbios 18:21

Espero ter ajudado você. Que o Eterno Deus e Pai te faça resplandecer!

Pr. Jonivando Pedrosa 

Tags: | |

Inscreva-se gratuitamente com seu email em nossa newsletter.

Você nunca nos perderá de vista e será sempre notificado com novos conteúdos.

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Pr. Jonivando
Pr. Jonivando

Sou Jonivando, um servo e filho de Deus, Fundador do Resplandecer Ministério Internacional, tenho mais de vinte anos de ministério de pregação da Palavra de Deus, objetivando edificar a Igreja e levar o Evangelho de Salvação aos perdidos e glorificar o nome do Senhor. Libertação, curas e quebra de maldições são características do ministério que Deus me concedeu com unção profética.