Início » Salmo 91 Explicado Versículo por Versículo: A Proteção Divina

Salmo 91 Explicado Versículo por Versículo: A Proteção Divina

O Salmo 91 é um dos mais amados e poderosos salmos da Bíblia. Ao longo de seus 16 versículos, ele transmite uma mensagem de confiança na proteção de Deus em meio às adversidades. Para tanto, conhecer com profundidade o Salmo 91 explicado versículo por versículo revigora a alma nos deixando mais confiante e próximo de Deus.

Neste estudo, vamos explorar cada versículo deste salmo, analisando seu significado e destacando a mensagem central que nos é transmitida.

Conheça agora a explicação do Salmo 91 versículo por versículo

Salmo 91 explicado versículo por versículo contribuíra em fortalecimento de sua fé e vida pessoal com Deus.

Versículo 1: “Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.”

O salmista começa enfatizando a importância de estar na presença de Deus. Aqueles que escolhem habitar na Sua proximidade, buscando uma comunhão íntima, encontram segurança e descanso sob a sombra do Todo-Poderoso.

Versículo 2: “Direi do SENHOR: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.”

Neste verso, o salmista declara sua confiança em Deus. Ele reconhece o Senhor como seu Deus pessoal e fonte de proteção. Essa confiança inabalável é fundamental para desfrutar da segurança divina.

Versículo 3: “Porque ele te livrará do laço do passarinheiro e da peste perniciosa.”

Aqui, o salmista ressalta a capacidade de Deus em nos livrar de armadilhas e perigos que podem surgir em nosso caminho. Ele é poderoso para nos proteger de todo mal, seja físico, emocional ou espiritual.

LEIA: Quem escreveu o Salmo 91? Mistério revelado!

Versículo 4: “Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas estarás seguro; a sua verdade é escudo e broquel.”

Advertisements

Essa imagem poética retrata o cuidado e a proteção de Deus. Assim como uma ave cuida de seus filhotes sob suas asas, o Senhor nos envolve com Seu amor e fidelidade. Sua verdade nos protege e nos guarda.

Versículo 5: “Não terás medo do terror de noite nem da seta que voa de dia.”

Aqui, o salmista encoraja a confiança plena em Deus, afirmando que não precisamos temer qualquer ameaça ou perigo que possa surgir, seja durante o dia ou durante a noite. A proteção divina é contínua e abrangente.

Versículo 6: “Nem da peste que anda na escuridão, nem da mortandade que assola ao meio-dia.”

Deus é capaz de nos preservar mesmo em meio a epidemias, doenças ou tragédias que possam assolar a humanidade. Seu poder e amor são mais fortes do que qualquer calamidade.

Versículo 7: “Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas tu não serás atingido.”

Aqui, o salmista descreve uma cena de destruição e perigo ao redor, mas afirma que aqueles que confiam em Deus serão preservados. Independentemente do que aconteça ao nosso redor, Ele nos guardará.

Versículo 8: “Somente com os teus olhos contemplarás e verás a recompensa

dos ímpios.”

Neste versículo, o salmista lembra que, embora possamos testemunhar a justiça de Deus se manifestando sobre os ímpios, isso não nos afetará. Aqueles que permanecem na presença do Senhor não serão atingidos pelas consequências das ações dos ímpios.

Versículo 9: “Porque tu, ó SENHOR, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação.”

Aqui, o salmista reafirma sua confiança em Deus como seu refúgio. Ele reconhece que somente no Altíssimo encontramos verdadeira segurança e proteção. Ao fazer de Deus sua habitação, o salmista expressa sua escolha de permanecer próximo a Ele em todos os momentos.

Versículo 10: “Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.”

O salmista declara uma promessa divina de preservação. Aqueles que se refugiam em Deus não serão afetados por males ou pragas. Esta é uma afirmação poderosa da fidelidade e cuidado de Deus para com Seus filhos.

Versículo 11: “Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.”

Aqui, o salmista destaca a intervenção dos anjos de Deus em nosso favor. Os anjos são enviados por Deus para nos proteger e guiar em todos os nossos caminhos. Essa é mais uma demonstração do cuidado divino em nossas vidas.

Versículo 12: “Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra.”

O salmista descreve como os anjos de Deus nos sustentam e nos protegem de tropeçar ou cair em circunstâncias perigosas. Eles estão sempre ao nosso lado, agindo em nosso benefício.

Versículo 13: “Pisarás o leão e a cobra; calcarás aos pés o filho do leão e a serpente.”

Essa é uma imagem simbólica da vitória e autoridade dada por Deus àqueles que confiam Nele. O salmista descreve nossa capacidade de enfrentar e superar perigos, simbolizados pelo leão e pela serpente, com a proteção divina.

Versículo 14: “Pois que tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei; pô-lo-ei num alto retiro, porque conheceu o meu nome.”

Aqui, o salmista expressa a resposta amorosa de Deus àqueles que O amam. Ele promete livrar e proteger aqueles que depositam sua confiança Nele. Essa promessa é baseada no relacionamento íntimo que temos com Deus e em Sua plena comunhão conosco.

Versículo 15: “Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei.”

Neste versículo, o salmista enfatiza que, quando clamamos a Deus, Ele nos responde e está conosco em momentos de aflição. Deus não apenas nos livra da angústia, mas também nos glorifica, demonstrando Seu poder e cuidado em nossa vida.

Versículo 16: “Fartá-lo-ei com longura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação.”

LEIA: Como o Salmos 55 versículo 22 pode tornar você invencível

O salmista conclui o salmo com a promessa de Deus de satisfazer e abençoar aqueles que O escolhem como seu refúgio. Ele promete vida longa e revela a Sua salvação, que é a maior bênção que podemos receber. No entanto, Salmo 91 explicado versículo por versículo ajuda você a descobrir a Proteção Divina em todo contexto de sua caminha com Jesus cristo.

Em resumo, o Salmo 91 é uma poderosa declaração de confiança na proteção divina. Ao habitar na presença de Deus, escolhendo-O como nosso refúgio, encontramos segurança e descanso. Ele nos livra de armadilhas, perigos e calamidades, cobrindo-nos com Seu amor e fidelidade.

Seu cuidado é contínuo, não importando o momento ou circunstância. Deus envia Seus anjos para nos proteger e sustentar em todos os caminhos. Ele nos capacita a vencer os perigos, fortalecendo-nos e concedendo-nos autoridade sobre o inimigo. Aqueles que amam a Deus e clamam por Ele recebem Sua resposta, Sua presença na angústia e a promessa de salvação.

Que possamos meditar nesses versículos e encontrar encorajamento, confiança e paz na proteção divina, sabendo que Ele é nosso refúgio seguro.

Jonivando Pedrosa
Jonivando Pedrosa

Sou um Missionário online, um experiente comunicador da palavra de Deus, Webmaster e blogueiro.
Atuamos há bastante tempo trazendo respostas bíblicas sobre diversos temas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *